G2-NOVO
Polícia

Mesmo proibidas, “festas particulares” com aglomeração de pessoas continuam acontecendo em Concórdia

Polícia Militar recebeu várias denúncias na noite de sexta-feira e na madrugada de sábado

13/06/2020 13h25
Por: Diego Salmon Franke
Fonte: Rádio Aliança
239
Os casos aconteceram em estabelecimentos e residências da cidade e também do interior.
Os casos aconteceram em estabelecimentos e residências da cidade e também do interior.

Pessoas que ainda insistem em desrespeitar as normas estabelecidas para o combate ao Coronavírus têm dado trabalho à Polícia Militar de Concórdia. Os casos de aglomeração têm se repetido. Vários casos foram registrados entre a noite de sexta-eira, dia 12, e a madrugada de sábado, dia 13.

 

A PM recebeu inúmeras denúncias sobre aglomeração de pessoas, falta do uso de máscaras e perturbação com som alto. Ao todo foram 10 ocorrências do gênero. Os casos aconteceram em estabelecimentos e residências da cidade e também do interior.

 

Os policiais seguem fiscalizando as denúncias e em casos de flagrante de aglomeração, os proprietários de estabelecimentos, ou pessoas que participam das “festinhas” podem ser responsabilizados pelo descumprimento do decreto estadual, que prevê medidas de prevenção à Covid-19. Termos Circunstanciados são confeccionados e os envolvidos precisam se explicar em audiência do Juizado Especial Criminal, por infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa, conforme previsto no artigo 268 do Código Penal.