G2-NOVO
Polícia

Reconstituição de caso tratado como suicídio em Irani poderá ter reviravolta

Não se descarta a possibilidade de uma reviravolta no caso.

18/07/2020 15h23Atualizado há 3 semanas
Por: Diego Salmon Franke
Fonte: Atual Fm
249
Familiares acreditam que não se trata de um suicídio, mas sim que o homem foi assassinado.
Familiares acreditam que não se trata de um suicídio, mas sim que o homem foi assassinado.

Um suposto suicídio registrado em setembro do ano passado no município de Irani poderá ter novos desdobramentos a partir das próximas horas. Nesta quinta-feira, dia 16, agentes da Divisão de Investigações Criminais (DIC) da Polícia Civil de Concórdia, e também técnicos do Instituto Geral de Perícias (IGP), realizam uma reconstituição do caso.

Conforme apurados junto a familiares, a ocorrência em questão poderá ter novas informações reveladas. Não se descarta a possibilidade de uma reviravolta no caso. Familiares acreditam que não se trata de um suicídio, mas sim que o homem foi assassinado.

Na época a reportagem apurou que o homem foi encontrado morto ao lado de uma arma calibre 357. Além disso, ele tinha vários registros de ameaça. A PM foi acionada depois que vizinhos teriam ouvido o disparo de arma no Bairro Santo Antônio. O Corpo de Bombeiros também foi acionado para atender a ocorrência.