G2-NOVO
COVID-19

Vocalista do Grupo Nova Curtição está internado com Covid-19 em Xanxerê

Situação delicada de saúde do jovem músico.

29/07/2020 19h48
Por: Diego Salmon Franke
Fonte: Tudo Sobre Xanxerê
91
A família pede orações.
A família pede orações.

O vocalista do Grupo Nova Curtição, de Xanxerê, Robson Limas de Abreu, de 34 anos, mais conhecido como Binho Delluca, está internato na UTI do Hospital Regional São Paulo (HRSP), com Covid-19. No último dia 15, ele procurou a Sala de Situação da Unidade Básica de Saúde Hélio dos Anjos Ortiz, apresentando dificuldade para respirar e no domingo (19) foi encaminhado para internação.

Segundo a esposa, Mayara Pereira, de 29 anos, o estado dele é grave. No sábado (18), Binho teve febre de 39º, dores no corpo e muita falta de ar. Na terça-feira (21), precisou ser internato na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A família de Binho segue em isolamento domiciliar, as filhas e a esposa apresentaram alguns sintomas, mas estão bem.

Ele está com ventilação mecânica a 100%, os médicos falam que o caso dele é gravíssimo, mas estão fazendo de tudo para salvá-lo – relata a esposa.

Mayara comenta que na manhã desta quarta-feira (29), recebeu o resultado do teste que confirmou positivo para Covid-19. Também hoje foi realizada a traqueostomia, um procedimento cirúrgico realizado para possibilitar a entrada de oxigênio em situações em que a passagem de ar está obstruída.

- Eles fizeram alguns exames hoje, mas permanece em estado grave, se mantendo estável. Teve uma pequena melhora de ontem pra hoje. Precisamos que as pessoas orem pela vida dele e que melhore logo – comenta.

O grupo, amante do pagode e do samba, foi criado em 12 de maio de 2010 e já se apresenta em várias cidades nos estados de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná. Com música gravada em São Paulo, leva alegria, descontração em cada apresentação. Binho é o mais velho do grupo e para os demais integrantes ele sempre foi o pilar de tudo, com sonhos fortes e apaixonado pelo que faz.

Nas redes sociais, amigos e familiares iniciaram uma campanha solidária chamada #ForçaBinho. Diversas pessoas mandam energias positivas, fazem orações e compartilham mandando mensagens de apoio para a família.

Por Diéssyca Lemos