G2-NOVO
Polícia

Golpistas tentam extorquir dinheiro de vítimas em Concórdia após troca de fotos íntimas

Em algumas situações, até o um homem se passando por delegado mantém contato com a vítima pedindo dinheiro para não abrir um suposto inquérito.

23/09/2020 15h11
Por: Diego Salmon Franke
Fonte: Atual Fm
118
No último caso registrado o DDD do telefone do golpista era do Paraná.
No último caso registrado o DDD do telefone do golpista era do Paraná.

Os golpistas estão novamente agindo na região e, dessa vez, utilizando as redes sociais para extorquir dinheiro, principalmente dos homens. De acordo com as informações, alguns casos foram registrados em Concórdia e cidades da região.

Como funciona o golpe? 

Uma mulher, mantém contato pelo facebook, pede amizade e depois começa a conversar. Ela pede o número de telefone da vítima com conta do WhatsApp. Depois com as informações em mãos, essa mesma mulher conversa com a vítima e começa a mandar fotos íntimas.

Na maioria dos casos, a vítima também acaba mandando alguns “nudes”. Após um tempo uma mulher que se diz mãe da menina que estava mantendo contato pelo WhatsApp liga fazendo ameaças e dizendo que descobrir a situação constrangedora.

Para tornar o golpe ainda mais real, um homem que se passa por pai na menina também acaba ligando no telefone da vítima e diz que bateu na suposta filha e quebrou o computador. Nesse momento, ele faz pedido de dinheiro para não levar o caso ao conhecimento da polícia.

Em algumas situações, até o um homem se passando por delegado mantém contato com a vítima pedindo dinheiro para não abrir um suposto inquérito. Em casos como esses a polícia deverá ser procurada, pois trata-se de golpe. No último caso registrado o DDD do telefone do golpista era do Paraná.