G2-NOVO
Futebol

Técnico do Concórdia Emerson Cris projeta final diante do Joinville

Treinador pode conquistar seu primeiro título como treinador profissional

06/02/2021 13h20
Por: Diego Salmon Franke
Fonte: Voz da Cidade\Diego Franke
92
Decisão acontece nesse domingo ás 17 horas em Joinville.
Decisão acontece nesse domingo ás 17 horas em Joinville.

Para o técnico Emerson Cris o segredo do trabalho até o momento é a continuidade do projeto de 2020, espera concretizar esse trabalho com um bom resultado diante do Joinville.

Segundo Emerson, a conquista da Copa SC seria o resultado de um projeto honesto e em busca do melhor sempre para o clube, seria um marco na carreira do treinador que já trabalhou como técnico de divisões de base e profissional na Chapecoense, o Galo é seu segundo trabalho como profissional e espera conquistar seu primeiro título na carreira, o jovem treinador diz que o time está atrás de se firmar entre os maiores clubes do estado.

 Sobre o confronto final diante do Jec, o treinador que nessa Copa SC já enfrentou duas vezes o time da maior cidade do estado com uma derrota e uma vitória, Emerson comenta que o time adversário é time de qualidade e com jogadores experientes, com um bom treinador e tem muita tradição no futebol de SC.

Emerson ainda mandou um recado para a torcida do Concórdia dizendo que o torcedor é quem move o trabalho dos atletas e diz que os jogadores e comissão técnica se sentem bem recebidos e acolhidos na cidade, diz saber da importância desse título inédito para a cidade e clube, pede para que estejam sempre juntos em busca dos objetivos.

O Treinador diz o galo do oeste está no caminho certo e conquistar os espaços que permitirem para todos grupo de jogadores e clube.

Sobre o treinador:

Emerson foi revelado pelo Paraná Clube, onde passou vários anos, revezando entre o banco de reservas e o colete de titular, o que não o firmou no Tricolor Paranaense, fazendo-o ser transferindo em 2005 para o Joinville/SC. Lá teve boas atuações, o que fez ser contratado pelo Bahia, onde se destacou e se firmou na equipe titular. Depois de passar pela Chapecoense como jogador, atuou como auxiliar técnico do clube até 2019, em algumas ocasiões foi técnico interino do clube.

Em 2020 foi contratado pelo Concórdia Atlético Clube para dar continuidade na disputa do Campeonato Catarinense onde a equipe se manteve na competição para o ano de 2021 vencendo os dois jogos do rebaixamento contra o Atlético Tubarão.