CONCORDIA
Educação

Uniedu na pauta da reunião da Reitora da UnC com Governador Moisés

No encontro, os reitores também solicitaram a reanálise do distanciamento social para 1 metro entre as mesas nas salas de aula, a exemplo do que já ocorre em estados como São Paulo e Rio de Janeiro.

07/07/2021 22h23
Por: Diego Salmon Franke
Fonte: Camila Paz Fachi
52
Presente no encontro, a reitora da UnC, Solange Sprandel da Silva, agradeceu pessoalmente ao Governador Moisés
Presente no encontro, a reitora da UnC, Solange Sprandel da Silva, agradeceu pessoalmente ao Governador Moisés

Os reitores do sistema Acafe estiveram em Florianópolis na tarde desta quarta-feira, 7, para agradecer o governador Carlos Moisés pelo aumento dos investimentos em bolsas para estudantes do ensino superior.

Presente no encontro, a reitora da UnC, Solange Sprandel da Silva, agradeceu pessoalmente ao Governador Moisés e destacou que a taxa de permanência dos alunos na Universidade chega a 98% para aqueles contemplados com bolsas do Uniedu. Para 2021, estão previstos R$ 467,3 milhões para o Programa de Bolsas Universitárias de Santa Catarina (Uniedu).

O valor representa um aumento de 76% em relação ao investido no ano passado, que totalizou R$ 264,3 milhões. “Para chegarmos nesses números, nós precisamos fazer a lição de casa, ajustando as contas do Governo do Estado.

As universidades comunitárias de Santa Catarina são um exemplo para o país e também apontam soluções para diversas situações do nosso cotidiano. Esse é um caminho sem volta”, afirmou o governador aos reitores.

 

Outro destaque do encontro da reitora com o governador foi a parceria entre a UnC e a Fapesc. Segundo a reitora Solange, somente no último triênio, mais de R$ 2 milhões foram aplicados em projetos de pesquisa e extensão, envolvendo pesquisadores das áreas de Ciências Sociais Aplicadas, Ciências Humanas, Saúde, Ciências Exatas e da Terra, e Inovação.  “As ações de pesquisa e extensão oriundas desta parceria promovem ainda mais a aproximação do conhecimento científico produzido na Universidade com a comunidade de abrangência da instituição”, ressaltou.

 

No encontro, os reitores também solicitaram a reanálise do distanciamento social para 1 metro entre as mesas nas salas de aula, a exemplo do que já ocorre em estados como São Paulo e Rio de Janeiro. 

O governador Carlos Moisés agradeceu às manifestações e desafiou as Universidades, junto com as Secretarias de Estado, a desenvolverem alternativas para demandas do Estado nas áreas de Saúde, Habitação e Educação.